Discurso – Dia Mundial da Conscientização do Autismo

DISCURSO PROFERIDO DIA 03/04/2018

O Deputado STEFANO AGUIAR (PSD-MG) pronuncia o seguinte discurso: Senhor Presidente, Senhoras e Senhores Deputados, gostaria apenas de registrar que ontem, dia 2 de abril, foi comemorado o Dia Mundial da Conscientização do Autismo.

A data foi criada pela Organização das Nações Unidas em 18 de dezembro de 2007, com o intuito de alertar a sociedades e os governantes sobre a doença, ajudando a derrubar preconceitos e esclarecer dúvidas.

Conhecida também por Transtorno de Espectro Autista, a doença afeta o desenvolvimento cerebral e atinge cerca de 70 milhões de pessoas em todo o mundo. Certamente não é nada fácil ser ou ter um filho ou familiar com a doença, haja vista que os desafios são diários.

Aqui no Brasil, por exemplo, o transtorno afeta a comunicação e interação social de mais de 2 milhões de pessoas. O diagnóstico precoce é fundamental para garantir o tratamento adequado e uma melhor qualidade de vida. Os pais devem ficar atentos a alguns sinais na infância, pois algumas crianças que não falam até os dois anos, que têm dificuldades para brincar ou preferem ficar isoladas podem ter autismo. Além de problemas sensoriais, o barulho muito alto ou o cheiro muito forte causam incômodo a essas crianças.

É preciso ficar atento, também, a outros sintomas: fobias, agressividade, dificuldades de aprendizagem, dificuldades de relacionamento, por exemplo. No entanto, vale ressaltar que o autismo é único para cada pessoa. Existem vários níveis diferentes de autismo, até mesmo pessoas que apresentam o transtorno, mas sem nenhum tipo de atraso mental.

Na capital do nosso estado, Belo Horizonte, haverá diversas ações para informar a população sobre o tema, como palestras, apresentações artísticas e oficinas, todas com atividades gratuitas ao longo da semana. Segundo a prefeitura, o Sistema Único de Saúde oferece o tratamento, e na Secretaria Municipal de Educação, as crianças têm vaga garantida na educação infantil e no ensino fundamental.

Portanto, Senhor Presidente, realmente o diagnóstico precoce aliado à socialização e à demonstração de amor são remédios extremamente eficazes.

Senhor Presidente, solicito a Vossa Excelência que meu pronunciamento seja divulgado pelos órgãos de divulgação da Casa Legislativa e no Programa À Voz do Brasil.